Clássicos Curiosidades Hardware

Clássicos escreveassim: Como construir um PC de Luxo… em 1991

Curso de Manutenção de Celulares

Abrir um computador desktop hoje em dia revela uma caixa maioritariamente… vazia. Mas em outros tempos, um gabinete de PC era algo preenchido com um emaranhado de cabos, fios e placas que seriam capazes de assustar o aventureiro mais intrépido. Hoje vamos regressar ao passado e ver quais eram as recomendações para construir um computador de luxo em 1991.

mb_chips_386

Enquanto hoje em dia consideram utilizar o mais recente quad-core a 4GHz da Intel com 16GB  de RAM já é o suficiente, naquela altura delirávamos com as fantásticas CPUs 386 rodando a 16MHz acompanhadas por generosos 2MB de memoria RAM – sim, Megabytes!

Nos discos, o passar do tempo também não perdoa, e na altura a opção recairia sobre um disco de singelos 200MB, que seria imenso pra época onde daria para "tudo e mais alguma coisa"… e só de pensar que hoje em dia não consideraríamos nada abaixo de 1 ou 2 Terabytes.

[youtube height="480" width="640"]https://www.youtube.com/watch?v=bR41OwThUu4[/youtube]

O mais fantástico é relembrar que essas características técnicas, agora completamente obsoletas, em nada diminuíam o fascínio que se sentia por estas máquinas – talvez pelo custo extremamente elevado de algumas peças, os usuários na época davam muito mais valor aos equipamentos do que atualmente. 😉

IMG_20140613_092051785

[button color="#COLOR_CODE" background="#COLOR_CODE" size="small" src="http://abertoatedemadrugada.com/" target="_blank" ]via | AadM[/button]

Comente via:

  • Facebook
  • WordPress
  • Google Plus

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.